Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


De molho...

Sábado, 12.03.11

Fomos abençoados com internet em casa a meio de Fevereiro... um serviço que deixa muito a desejar, mas enfim, melhor que nada. Para além disso, estou tão saturada com cenas do género que até perdi a vontade de reclamar... mas talvez isso seja porque tenho andado podre nestes últimos tempos.

 

Embora tenha net em casa, o tempo tem sido madrasto e não tenho conseguido feito absolutamente senão trabalhar, comer e dormir... por isso só agora (que estou de férias forçadas) é que consegui dar sinal de vida aqui por estas bandas.

 

De momento estou de baixa devido a uma infecção respiratória... coisa que podia ter sido evitada caso eu tomasse conta de mim e não me armasse em heroína. 

 

Muito se passou desde que rabisquei aqui... tanta coisa para contar, a maioria já esquecida.

 

Os pontos a salientar são:


O Palacete II não é palacete nenhum... só tem problemas que se descobriram depois de começar a viver nele (são tantos que merece um post dedicado). Mal posso esperar para mudar de casa!!!

 

No entanto, e no meio desta crise toda, tive um pouco de sorte e consegui arranjar trabalho na universidade.
Comecei como EAA (Education Access Assistant), onde trabalhei a dar apoio a alunos deficientes e/ou com necessidades especiais de aprendizagem. Como o trabalho não era a tempo inteiro, arranjei um part-time das 6 às 8 da matina a limpar escritórios e salas de aula.

 

Entretanto concorri para uma posição administrativa a tempo inteiro em Janeiro na universidade (no mesmo departamento onde trabalhava), que consegui depois de duas entrevistas dolorosas e um teste. Ainda fico um bocado abananada cada vez que penso que consegui o trabalho!


Como isto hoje em dia não há certezas de nada e eu tenho uma data de coisitas para pagar... ainda continuo a fazer o meu part-time e depois vou de seguida para o escritório. Entro de noite e saio de noite... enfim. 

 

Depois de anos a alombar em catering, este emprego caiu-me do céu! Pela primeira vez em 12 anos, posso dizer que tenho um emprego... porque dantes tudo o que tive foi trabalhos.

Sim, tenho responsabilidades e dores de cabeça e de tentar orientar uma data de gente... mas no final do dia não andei a correr de um lado para o outro, nem me chateei com filhos da puta que têm a mania que me podem tratar como merda. 

O melhor de tudo, é que sinto-me outra vez que estou a contribuir algo para a sociedade... coisa que não sentia desde que deixei os bombeiros. Embora não de maneira tão activa, o meu trabalho faz diferença na vida de uma data de alunos, e é recompensante de certa forma.

 

No entanto, continuo a limpar todas as manhãs para não me esquecer das 'raizes', porque o dinheiro faz-me falta e porque tudo o que é bom acaba... Especialmente com os cortes absurdos que andam por aí.

 

Dar uso ao curso de momento é para esquecer... as poucas vagas que há em Forensics exigem um mínimo de experiencia profissional de 3 anos, e no outro dia saíram duas com requisitos mínimo de 7 e 10 anos de experiencia!!! WTF?! Como raio uma pessoa adquire experiencia se não nos dão sequer hipótese de trabalhar.

É um assunto que me deixa bastante frustrada... por isso é mesmo melhor mudar de tópico.

 

Estou preocupada com a Hiko e o Alex (que se mudaram para o Japão em Dezembro), e embora ontem tenha conseguido falar com ela depois do tremor de terra, nunca mais ouvi noticias nenhumas... O Alex estava preso em Tokyo e não conseguia voltar a casa porque os comboios pararam. Espero que esteja tudo bem T_T

 

Até agora a única coisa boa que esta baixa trouxe foi de facto tempo... tempo para ficar na caminha a vegetar. Portátil no colo, cuscar a vida dos outros no facebook, ler o meu livrinho... e jogar Dragon Age II eheheh. Pena mesmo ter umas valentes dores de peito quando respiro, rio, falo, tudo! 

 

A ver se volto a rabiscar aqui com mais frequência e a tirar pelingrafias... não toco na máquina fotográfica há colhões!

 

 

Hasta!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Videl às 10:02

Porra...

Segunda-feira, 09.08.10

... que isto está que nem se pode! Mas que calor d'um cabrão!

 

Já faz algum tempo que cheguei à terrinha mas tenho andado a evitar ligar o portátil à net.. pura preguiça mesmo! Desde que cá cheguei, só trabalhei o necessário e o resto do tempo tenho passado em casa agarrada a uma consola com uma (ou duas) ventoinhas a apontar directamente para mim.

Ainda não fui à praia... só a ideia de ir para a praia com este calor tira-me a vontade de sequer de conduzir até ela. Tenho andado mesmo sem vontade para nada, e não tenho vontade nenhuma de me chatear. Agosto é um mês horrível, e todos os anos me arrependo de o passar no Algarve...turistas para aqui, turistas para ali. Não se arranja estacionamento em lado nenhum, está demasiado calor para andar com a moleirinha ao sol (a não ser que queira uns lindos episódios de epistaxis no meio da rua como me tem acontecido), pessoas mal educadas por todo o lado... não tenho paciência para aturar ninguém.

 

É de louvar a falta de consideração que a câmara municipal tem pelos habitantes aqui da terrinha, tudo o que é parque de estacionamento é a pagar (à excepção de dois parques que estão infestados de arrumadores), os transportes públicos não funcionam bem, e o imposto municipal é uma coisa do outro mundo! Okay, a malta sabe que no Verão isto é só turistas, e que os turistas dão trabalho a muita gente... MAS... a cidade não é só dos turistas, e sem a malta residente não há ninguém para trabalhar e servir os turistas, right?!?!

 

Mas ainda antes que me esqueça, e porque isto tem que sair cá para fora... eu já me tinha esquecido da cambada de gente antipática e com má vontade que tem empregos por estas bandas. É que nem a merda d'um sorrisinho lhes pára naquelas trombas... nem um obrigado ou até um bom dia!

Sim, posso estar 'mal habituada' lá na bifolândia... por lá, embora se encontre a esporádica besta ao balcão, na sua maioria são simpáticos... e senão o são, fingem ser... é que aqui, nem há um esforço mínimo para agradar ninguém.

 

Sim... a gente sabe que não estás contente com o teu ordenado, e que está um calor d'um cabrão, e que preferias estar na praia em vez de estar a trabalhar... mas ò filha, que culpa tenho eu disso, hein? E que tal me passares as compras em vez de as jogares, hein? Não era má ideia pois não?

 

*Uffff* prontos... saiu cá para fora. É claro que também há gente simpática por estes lados... mas ultimamente só me tem calhado bestum.

 

E por último, há mais uma coisita que quero partilhar.

Não sei se já disse aqui, mas cada vez que eu venho a casa tenho algo novo/mudado... ligeiros upgrades que os meus pais vão fazendo ao apartamento.

Já me deparei com cortinas novas, um quadro, molduras com fotos... uma tv como prenda de anos há dois anos... mas este ano, os meus pais superaram as expectativas. Ao entrar no quarto, deparei-me com nada mais nada menos que um..... AQUECEDOR!

 

'Ah e tal, compramos isto em Janeiro, depois de tu teres ido embora... estavam em promoção e tal'

 

Epá... tenho a certeza que vai dar um jeitão para o Inverno... mas agora, cada vez que olho para a parede e vejo o aquecedor só me dá vontade de transformá-lo em ar condicionado.

 

No entanto... talvez tenha sorte e pela altura do Natal, quando vier cá outra vez, tenha um ar condicionado pipi... prontinho para o Verão de 2011 ^^

 

Bem, amanhã é dia de trabalho... a ver se refilo menos no próximo post.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Agosto 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031