Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A coisa

Domingo, 03.10.10

Há já imenso tempo que não me metia em aventuras destas... mas como ficou provado, ainda não lhe perdi o jeito.

 

Ficou decidido há  coisa de três dias atrás, que no Sábado eu ia buscar uma coisa... só que essa coisa estava nada mais nada menos que em Chester. Aqui vai o mapa para terem percepção da coisa.

 

 

Como agravante, não podia levar o carro para cima, pois a coisa não me cabia no carro. Enfim... um verdadeiro dilema! Mas nada que a maravilhosa internet e transportes públicos não resolvam.

 

Por isso lá fui eu marcar bilhetes... infelizmente, devido às horas a que tinha de chegar a Chester e ao facto de ser fim-de-semana, não consegui fazer as batotas do costume...  As batotas do costume são comprar bilhetes através do megabus ou do megatrain, que são uma pechincha (do género £1.50), e vão para Londres tal qual como os outros, e depois de Londres eu logo me desenmerdava.

Eu prefiro viajar de comboio, mas para ficar com a consciência tranquila, comparo sempre com os preços dos autocarros.

 

Se quisesse ter ido de autocarro teria pago £54, e a viagem demoraria 9 HORAS... também teria de ter trocado de autocarro umas 4 vezes e com tempos de espera brutais! No way Jose!

 

De quimboio, a coisa agradou-me MUITO mais... o preço dos bilhetes variava entre as £33 e as £90, e a viagem só demoraria 5 horas. O pior mesmo seria a correria no tube, de Waterloo para Euston, pois tinha uma margem de tempo minúscula... e com a Victoria e parte da Northern 
line fechadas, ui! (Todo o santo fim-de-semana esta gente fecha linhas para reparação). Enfim, arrisquei e lá comprei bilhetes. Novamente por causa das horas não consegui comprar o bilhete das £33, mas safei-me com £41.

 

Eis o itinerário:

 

Boscombe - Bournemouth
Bournemouth - London Waterloo
London Waterloo - Euston

Euston - Chester

 

E assim foi...

Às 9 horas saí de casa, e apanhei o autocarro para a estação. Ainda tive que andar uns 10 minutos, mas felizmente não estava a chover por isso não entrei no comboio a pingar.

Assim que ponho as patinhas na estação, vejo uma quantidade estúpida de polícias... ninguém sabia o que se passava, mas via-se que estavam à caça de alguém. Cada comboio que parava na estação, era recebido com um polícia em cada porta das carruagens... mas não apanharam ninguém, o que foi uma pena que eu e as velhinhas queríamos era ver os polícias jeitosos em acção.

Entretanto o meu comboio chegou... e depois da polícia ter deixado a malta entrar, lá fui eu. Assim que entrei na carruagem, vejo longo dois fedelhos a mamar com budweisers... excusado será dizer que ainda mal batiam 10 da manhã! Lá escolhi uns bancos mais para a frente para o caso das budweisers lhes caírem mal.

Abanquei, pus a minha leitura em dia, ouvi música... etc. 
Bournemouth, Pokesdown, Christchurch, New Milton, Brockenhurst, Southampton, Southampton Airport,  Winchester, Basingstoke, Clapham Junction, Waterloo.

 

Já passava das 12:30 quando cheguei... toca a correr (leia-se CORRRREEEEERRRRR tipo sprint!) para apanhar o outro comboio.

13:10 lá estava eu sentadinha num dos comboios xpto da Virgin Trains. Lá comi uma sandocha que o estômago já andava a fazer uma constrangedora chinfrineira do inferno... e ainda bem que marchei a sandes logo no início da viagem, que minha gente... aquele comboio era rápido para xuxu!

Só parou duas vezes, e eu não faço ideia do top speed daquilo... mas a linha tinha curvas em relevé que a gente ficava quase todos de lado. Ao olhar para fora, aquilo mal dava para apreciar a paisagem... as ovelhas tornaram-se blurs brancos no meio do verde! No entanto consegui captar um graffiti bem grande com a clássica palavra PUTA!!!

 

Muitas vaquinhas, muitas ovelhas... muito verde! E depois lá para cima a linha segue o rio Trent, e vê-se montes de barquinhos, velhotes a pescar, e até malta a acampar no meio do nada à beira-rio.

O comboio só fez duas paragens, Milton Keynes e Crewe... e truca eram 15:12 estava em Chester. O comboio não se atrasou nem um segundo!

 

Na estação lá estava um amigo à espera, que me ia levar ao sítio onde estava a coisa... Wrexham, já no País de Gales. Os sinais bilingue, a quantidade brutal de ovelhas em tudo o que é sítio... nunca tinha estado no norte de Gales, mas tive uma sensação de 'regresso' à origem... poís foi no sul de Gales que esta nova etapa da minha vida começou.

 

Quando cheguei a Wrexham, mais propriamente à pequena vila de Overton no meio de nenhures... deparei-me com a coisa :)

 

 

E só digo isto.....

 

É MEU!!!

 

(mas mesmo meu :P)

 

 

 

~ Eu logo conto a aventura que foi voltar com ele para baixo!! Agora vou comer que tenho fomeca!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Videl às 11:38


1 comentário

De Cláudia! a 03.10.2010 às 14:47

Já tinha saudades do teu blog em funcionamento! wwwoohhooo!!!
O grafitti da Puta foi o melhor da viagem confessa!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Outubro 2010

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31