Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Parabéns à Maria!

Sexta-feira, 20.11.09

Isto tem andado um pouco para o morto mas nem tem sido por falta de assunto, simplesmente tenho andado atulhada até à mona e sem tempo para nada!

 

A Maria fez anos ontem, e embora eu tenha tido aulas das 9 às 20, consegui dar uma escapada e pôr-lhe um ramo de flores na mesa...

 

Flores, tal como aí, costumam ser carochas... mas como ontem foi Quinta (aka dia de mercado em Boscombe!!!) apanhei este 'deal' tão barato que até me senti mal! Então enfiei-lhe um voucher para uma livraria que ela gosta, assim pode comprar as novelas que a entretêm!

 

 

Mas como só se faz 21+7 uma vez na vida, e a pobre coitada tal como eu está longe de casa e da famelga, decidimos que devíamos ir passear este fim-de-semana... passear como deve de ser! Vamos a Londres amanhã de madrugada e voltamos no Domingo à tarde, que Segunda é dia de labuta.

 

Com sorte apanhamos bilhetes para a matiné de Les Mis, que eu sei que ela está há 23 anos para ver aquilo! Mas vamos sem plano... vamos passear e ser turistas!

 

Sim... turistas. A maioria da malta daí, quando eu digo que estou no Reino Unido, pergunta-me automaticamente... estás em Londres? Epá... não. Até quando estava no País de Gales, a pergunta era a mesma, eu cá admito que a minha geografia não é excelente... mas se essa pergunta fosse feita cá, havia pescoços a rolar, género:

- Eu vivo em Portugal.

- Ah sim, em Barcelona??

er... pois, soa exactamente a isto.

 

Fora as vezes que fui até aeroportos em Londres, só fui a Londres a sério três vezes... uma com o Raminhos onde passeamos umas 4 horas se tanto, uma com a Zu e o David onde fomos até Camdem, e a terceira com a uni ver o BodyWorld's na O2 Arena (e não houve tempo para nada!).

 

Pior mesmo está a Maria, que poucas mais vezes foi e é de cá!

 

Enfim... a ver se é desta que voa a Londres e consigo tirar fotos decentes! É um vexame não ter fotos nenhumas com o Big Ben e o Thames como pano de fundo! Uma vergonha! Para quem vive a 2h30m de caminho...

 

Enfim, continuando... como estive ocupada praticamente o dia inteiro, não tive tempo nenhum para paparicar a Maria como deve de ser. Felizmente, a Rosa (mais outra que foi vitimada pela tradução do nome) tratou do assunto e fez-lhe uma visita e foram passear.

 

Às 8 da noite, quando acabei as aulas, vim buscá-la para ir ao nosso Chinês favorito... o Shane (um dos poucos que não sofre com os dotes de tradução de nomes!) veio ter connosco, e foi só encher o pandulo.

Como não pode deixar de ser, fotos do evento.

 

 

BBQ spare ribs, Prawn Sesame Toast.

 

 

Metade de um pato desfiado... ao qual enrolou-se nas panquecas com hoisin sauce, pepino e cebolinho.

 

 

A birthday girl!

 

 

FAIL!

 

 

Porco com cajú, galinha satay.

 

 

A arrozada.

 

 

Sizzling bifinhos com pimenta... YUM!

 

 

Os três!

 

Bem, é melhor fugir que ainda tenho que ir à estação antes de ir trabalhar... e sinto-me super culpada por ter gasto horas da minha vida a ver merdum na net... no entanto, o que eu me ri com isto: 
http://www.chucknorrisfacts.com/

 

Até breve!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estou tão orgulhosa da minha Maria!

Terça-feira, 03.11.09

Hoje foi a 'graduation' da Maria... embora ela já esteja qualificada e a trabalhar há quase dois meses, só hoje é que foi a cerimónia da entrega do canudo.

 

Os pais e a irmã dela vieram cá  e eu tive funções de taxista, costureira, fotógrafa, abraçadeira e beijoqueira.

 

A cerimónia foi no BIC, que por acaso é onde eu trabalho, e foi pela primeira vez desde que estou em Bournemouth que me sentei no Windsor Hall, com roupas normais... sem gravata nem bandeja. Soube bem estar cá do outro lado... infelizmente Quinta-Feira lá vou eu andar a oferecer champanhe aos doutores.

 

 

Estavam cerca de 2000 pessoas presentes, e a cerimónia foi a segunda do dia. Este ano, são cerca de 4000 formaram-se da minha universidade, o BIC espera receber cerca de 18000 de terça a sexta-feira... por isso, esta semana há trabalhito com fartura.

 

Tudo muito pomposo, os chancellors, os ambassadors... epá pareciam todos saídos do Harry Potter.

 

 

Obviamente, nestas coisas há discursos... e discursos são por norma aborrecidos. Por isso não foi de admirar quando dei por mim e tinha duas pessoas a dormir ao lado.

 

 

Não dá para ver muito bem, mas ao lado do palco estava uma intérprete de linguagem gestual... muito bem!

 

 

Depois de centenas de nomes... chegou a vez do curso da Maria. O curso dela é Operating Department Practice, as funções são semelhantes às de um enfermeiro instrumentista em Portugal. A qualificação é um Diploma of Higher Education, o curso dela teve a duração de 2 anos com uma fortíssima componente prática... basicamente 6 semanas universidade, 6 semanas hospital, terminando num estágio de 7 meses.

 

 

 

A cerimónia demorou cerca de 2 horas e como é costume nestas coisas, acabou com o hino. O mais engraçado é que o alarme de incêndio disparou momentos antes... mas ninguém se apercebeu. Eu notei porque trabalho lá... por acaso têm um sistema de códigos bem pensado para evitar o pânico.
Quando for pedido ao Sr. Smith (ou outro nome qualquer) para chamar a extensão 4432 (ou outro número qualquer), é possivelmente um alarme... para cada alarme há uma extensão diferente. Os funcionários ouvem aquilo e preparam-se... felizmente são quase sempre falsos alarmes.

 

 

 

 

 

 Saímos de lá fomos tirar umas fotos.

 

 

A Maria com os papás e a irmã.

 

 

As manas.

 

 

Cool dude!

 

 

A gente as duas.

 

 

E a saga dos olhos fechados continua... lol

 

 

 

A atirar com os mortar boards... acho uma piada brutal ao nome!

 

 

O chapéu foi parar à minha cabeça. Se tudo correr bem, para o ano é a minha vez... com um chapéu meu e não emprestado.

 

 

 

Eh eh, umas colegas minhas... gosh que a minha farda é tão glamorosa... NOT. Menos glamoroso é o meu fato preservativo gigante (logo ponho aqui uma foto).

 

 

 

Depois do champanhe e scones, ao som de uma banda jazz, fomos tratar dos comes e bebes a sério. A reserva foi feita no 1812 e ui ui... estava tudo muito bom. Começamos com cocktails, no meu caso um mocktail ou virgin cocktail, chamem-lhe o que quiserem... como boa taxista que sou nada de etanol!

 

 

A minha entrada foi:

Tempura tiger prawns, served with creamy chilli dip.

(Embora estivessem muito bons, aquilo não era tempura batter at all!!!)

 

 

A entrada da Maria,

Twice baked smoked salmon and crayfish soufflé served with a marinated
cucumber & fennel salad

 

 

O meu prato principal,

Pan fried fillet of line caught wild sea bass served on a leek, pea,
broad bean and crayfish risotto, finished with pea shoots, lemon and
basil dressing

 

Estava uma maravilha... o peixe estava muito bom e o risotto era risotto, cremoso e cheio de goma, muito bom mesmo! Veio bem servido, uma bela dose... estes pratos grandes e fashion enganam.

 

 

A Maria comeu.

Slow cooked belly of pork on creamed potatoes finished with beetroot,
roast root vegetables spiced with Worcester sauce and cracked black pepper,
coriander & sesame jus

 

Que apesar do aspecto estranho, estava muito saboroso também... reparem no courato gourmet!

 

 

O pai da Maria comeu mêmeeeeeen
Roast rump of lamb served on creamed potatoes, sautéed spinach
& sweet garlic, asparagus mousse – braised lamb fritters with a marsala &
tarragon jus

 

E com a brincadeira quase que ia parar tudo ao chão, lol.

 

 

Eu não comi sobremesa porque estava cheia (não, não... o Mundo não vai acabar!), mas a Maria pediu sorbet de framboesa.

 

 

A mãe e a irmã dividiram uma Eton Mess de framboesa e muesli.

 

 

E o pai comeu queijo.

 

 

 

A Maria já está safa! A ver se para o ano me safo eu... estou tão cansada de estudar!

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

X em 1!

Segunda-feira, 02.11.09

Como já disse encontrei o cabo, por isso toca a por a conversa em dia.

 

 Como prometido, aqui vão fotos do caos...

 

19 viagens com o carro cheio de um lado para o outro, tudo feito em menos de dois dias... não houve propriamente tempo para organizar as coisas como deve de ser. Como somos unhas de fome, não compramos caixas e as coisas foram praticamente todas trazidas pelos sacos de IKEA que eu tinha (cerca de 7), despejadas na casa nova e butes carregar os sacos de novo.

O resultado foi mais ou menos isto:

 

 

 

 

 

LOL, a Maria que se espojou no único sítio onde cabia... 

 

 

Escusado será dizer que andamos a tropeçar nas coisas e temos os dedos dos pés negros de tanta encalhar nas coisas.

 

Como tínhamos combinado, a primeira coisa que fizemos assim que acabássemos de mudar tudo foi partir o nosso mealheiro (garrafa de 1,5l de 7up) e contar os trocos para irmos jantar!

 

 

 

Montinho atrás de montinho, contamos 30 e tal libras, que já dá para ir papar a um sítio mais ou menos. Demoramos cerca de 1 ano e meio a encher a garrafa de 1p e 2p, e depois mais tarde resolvemos começar a por também moedas de 5 pence.

 

A primeira noite que dormimos cá em casa, não conseguimos dormir nas camas porque estavam atulhadas, por isso decidimos que devíamos visitar os pubs da área... visto depois de umas quantas cervejas dormir no sofá/cadeirão custa menos, por isso lá fizemos um rally tascas (ou pub crawl como se diz por aqui).

 

Temos dois barzitos ao virar da esquina, o bistro.php">Urban Beach que é um bistro todo chique... que até nos sentimos deslocadas, cheio de gente pretensiosa, mas que fora isso até não se está mal.

Mais abaixo temos o Reef Encounter, que é mais barato e descontraído. Sentamo-nos na rua, estava um bocado para o fresquinho, mas a malta como se preocupa com os clientes tem mantinhas e almofadas para a esplanada.

 

 

 

Gostamos tanto, que entretanto já repetimos a dose... desta vez com direito a paparoca!

 

 

A Maria comeu half rack of ribs com vine tomatoes, uma espécie de gaspacho, batata frita e onion rings.

 

 

Eu marchei um Surf 'n' Turf.

 

 

 

E cá estão as 'bençoadas mantinhas.

 

 

 

 

Poucos dias depois, e mais rápido do que estávamos à espera, bateu-me o homem jeitoso da UPS (pois os correios estão em greve há mais de uma semana e a malta está a recorrer a empresas privadas para entregarem as encomendas) e entregou-me isto para as mãos:

 

 

A caixa tem um aviso original:

 

 

CAUTION - May cause over excitement!

Então e não é que é verdade!!!

 

 

Como já não havia bagunça que chegasse, vá mais uma caixinha para cima da mesa.

 

 

No mesmo dia, um telefonema de 20 minutos mais tarde, fiquei com net, cabo e telefone em casa... er, telefone ainda não que a linha está com problemas, então lá vem o técnico Sábado que vem. Infelizmente, a Virgin Media não dá chamadas internacionais à borla como a Talk Talk dava... o que me deixa bastante triste :( Mas menos mal, tenho mais canais e a net é mais rápida e só pago mais 3 libras por mês do que com Talk Talk.

 

Apesar da casa estar mobilada, falta-lhe uns toques e umas coisitas... então lá fomos ao IKEA. 

 

 

A Maria estava toda contente, pois foi a primeira vez dela... 

 

 

"Home is the most important place in the world."

 

Aproveitamos e tiramos umas fotos a parte das docas de Southampton... sim, parte... porque aquilo é enorme. 

 

 

Foi daqui que abalou o Titanic.

 

 

 

 

 

Explorámos a loja, e em menos de nada estávamos a espumar com fome.

 

 

 

A Maria adorou as meatballs... pudera, sabem tão bem. Já tinha saudades.

 

Já estava completamente empanturrada, mas mesmo assim ainda coube uma mousse (Angelino, esta é para ti!)

 

 

 

Trouxemos uma data de coisitas, e não gastamos assim tanto dinheiro quanto isso... 

 

Eis a minha nova caixa da chá, uma Strikt:

 

 

 

Mesmo assim ainda sobraram umas quantas coisitas... 

 

 

Mas consegui ver-me livre de uma data de caixas que só estavam a ocupar espaço.

 

 

O Antonius:

 

 

E o Billy:

 

 

Que já foi relocado e enfeitado.

 

 

 

 

 

 

E a Lack, que vai direitinha para o meu quarto.

 

 

 

E prontos, por hoje já chega.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Não encontro nada nesta casa!

Sexta-feira, 30.10.09

Bem... queria por aqui as fotos da desarrumação, mas não encontro o USB da máquina e o card reader do portátil não funciona há coisa de um ano. Por isso, ponho aqui umas fotos que tirei com a Maria quando fomos 'comemorar' a entrega das chaves do palacete.

 

Fomos ao Coreano em Lansdowne que abriu há pouco tempo. Eu já não ia a um coreano desde 2003, a última vez que fui foi com a Jen em Toronto... por isso, já estava na altura de por o rabiosque no Korean Grill.

 

A Maria perdeu os três do coreano, gostou muito dos chopstick metálicos, eheh.

 

 

 

A minha Maria é linda!

 

 

O restaurante está equipado com umas mesas todas hi-tech, lol... tem o grill na mesa. Nos outros enfiavam-me com um fogareiro redondo pela frente... mas neste aqui, ui ui.

 

 

O staff do restaurante era muito simpático e atencioso, e ainda nos deram umas quantas entradas à borla. Falta a galinha com amendoim na foto que estava uma delícia.

 

 

 

Lá marcharam as entradas... ficamos praticamente cheias, lol. Enquanto esperávamos que o grill aquecesse, fizeram-se umas poses e tiraram-se umas pelingrafias.

 

 

 

 

 

Não há juízo...

 

 

Entretanto chegaram as carnes.

 

 

Entremeada (Samgyeopsal 삼겹살) e vaca marinada à maneira deles (Bulgogi 불고기) ... estava D-I-V-I-N-A-L! 

 

 

A senhora grelhou-nos a carne, depois da carne grelhada divertimo-nos a enrolar em folhas de alface juntamente com um molhito, cebolinho e não me lembro de mais o quê. 

 

Para acompanhar veio este arroz maravilhoso, que está bem alto na minha lista de favoritos. Foi a senhora do restaurante que nos sugeriu, e ainda bem que fomos na conversa dela porque nunca o teria pedido.

 

 

Vinha numa taça de pedra a ferver, e em cima levava, ovas, algas, agriãozinho, pimento amarelo, alface, cenoura e pepino. A mistura soa estranha... mas depois de misturado, os sabores combinam tão bem... hmmm hmmm.

Até o arroz nos misturaram, só faltou mesmo darem-nos a comida à boca.

 

 

Sobremesa foram duas bebidas hiper-mega docérrimas, a minha à base de arroz, a da Maria à base de canela... que serão dispensadas na próxima visita.

 

 

O jantarinho ficou bem em conta, pensamos que fosse muito mais caro. Deixou-se uma bela gorjeta e a promessa de uma nova visita em breve.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Será que fui eu que encolhi...

Domingo, 20.09.09

... ou estou rodeada de comida gigante?

 

Primeiro o pequeno almoço que nada teve de pequeno, e às horas que foi mais devia ter sido lanche.

 

 

 

 

Depois a janta...

 

 

 

Uma pizza Venezia na La Finestra... e, apesar das críticas positivas que andam por aí acerca do restaurante, não achei por aí além.

Gostei das toalhas de mesa do restaurante, mas cada parede estava pintada com uma cor diferente... aquilo parecia uma creche ou uma sala feita com lego.
Acho que não combina nada bem. Toalhas de mesa típicas, uma cozinha que não está amostra (independentemente de ter um vidro que a cerca), só dá para ver os pizzeiros do pescoço para cima. Sabe-se lá o que estarão eles a fazer com as nossas pizzas! Acho que de tão fino que queriam decorar o restaurante, aquilo ficou estranho  . Não há harmonia e os diferentes estilos entram em conflicto.

 

O dito vidro, só serve para os pizzeiros conseguirem olhar para a sala e babarem-se para o gajedo cá de fora. Bastante desconfortável porque olhavam fixamente para as pessoas da sala, soltavam risinhos, as meninas passavam e lá eles a seguiam com os olhos. Um aspecto do cacete... mas que falta de profissionalismo. Devem pensar que lá por nãos os ouvirmos não sabemos que estão a reenforçar os egos com 'aí fazia-lhe e isto e isto'...

 

Enfim, achei caro para o que comi... não achei nada de jeito. Mas a malta era muita e a coisa passou-se.

 

Antes da janta ainda fui ter com a Zu ao Palácio da Pena, tirei umas fotos mas já é tarde e está a dar Dexter, por isso logo as ponho aqui amanhã.

 

Nota, isto de não ter cartão multibanco tirou-me a independência no que toca a recarregamentos de telemóvel . Preciso de recarregar o meu telemóvel que está sem pilim... lá vou ter eu de pedir a uma alma caridosa que me faça o favor.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Damn... no meio desta bruteza toda existe uma gaija!

Sábado, 19.09.09

Pois... bem lá mesmo escondida no fundo.

 

Hoje fiz algo inédito, nunca dantes visto... e semi-auto-surpreendente! (Qual acordo ortográfico, qual quê? Hífens existem são p'ra ser usados!)

 

Passei o dia a passear e a entrar em lojas de roupa. Note-se... detesto comprar roupa! Não só porque estou gorda e não gosto de me ver com nada, como também acho um desperdicio de dinheiro gastar dinheiro em trapinhos... tenho tanta melhor coisa em que gastar diheiro.

 

Mas o meu guarda-roupa (especialmente desde que o 3º michelin surgiu aqui no abdomen) está er... reformulando, qual guarda-roupa? Devo ter uns três pares de calças do chinês (o único sítio onde encontro calças que me sirvam com cintura subidinha), e meia dúzia de blusas rançosas... que não me favorecem nada nem reflectem um pouco da individualidade da minha pessoa! (Gosh, mas que raio é que se passa comigo hoje... passei o dia todo na badalhoquice e agora às tantas da manhã estou toda filosófica!)

 

Enfim... continuando, entrei em mais lojas de roupa hoje do que entrei nos passados dois anos. Também gastei uns trocos e coiso e tal... nada do outro mundo, mas há anos que não gastava tanto dinheiro em roupa num dia só. Um vestidinho, duas blusitas, um acessóriozito... nada de por aí além. Mas para quem é unha de fome para compras do género foi uma conquista! Mas a maior conquista delas todas foi que... não achei o processo assim tão doloroso. Não vou ao extremo de dizer que me diverti enquanto revistava as cruzetas, mas posso dizer que acho que foi a vez nas minhas quase duas décadas e meio de vida que menos me custou ir comprar roupa... estava com disposição para a coisa.

 

Ainda passei um bocadinho na FNAC, a folhear livros... estava com apetites de comprar um livrito, mas os preços tiraram-me qualquer vontade! Ainda estou à espera em que um livro em Portugal não seja considerado um luxo e artigo de enfeitar mobilia...

Livros são para ser lidos, usados...
 

Lá na bifolândia os livros custam o preço da chuva... toda a minha gente lê! Livros usados a preços ridiculos (tipo 20p cada)... e não há nada de finúrias. Livro é p'rá guerra!

(Okay, estou a generalizar... há livros que não atreveria a levar comigo na mala e ler fora de casa, e que estou disposta a gastar pipas de massa, mas esses são muito poucos e conto-os com os dedos da mão).

Gosto de comprar livros usados não só pelo preço, por vezes dou por mim a pensar na quantidade de pessoas que já leu as mesmas páginas que eu... as vezes que o levou à retrete, a quantidade de E. coli que lá está.. cheiros estranhos, manchas desconhecidas. Depois quando acabo os livros, dou às lojas de caridade para serem revendidos a preços estúpidos... e o ciclo continua, e lá vai outra pessoa lê-lo.

Um dia ponho lá um tracker ou um raio do género... seria giro, ver por quantas mãos o livro passaria.

 

Bem, já mudei completamente a minha linha de raciocínio... esqueci-me completamente do que queria dizer, mas nada tinha a ver com livros. Logo me lembro...

 

Aqui ficam as fotos do meu jantarinho hoje:

 

 

Um bife à balcão na Portugália do Almada Fórum... estava bem bom.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Já tinha saudades da capital!

Sexta-feira, 18.09.09

Eu sei, eu sei... isto tem estado morto. A ver se isto arrebita daqui para a frente!

 

Estou em bandas de Lisboa, há já muito tempo que não punha cá os pés... e admito, já tinha saudades.
Vim sozinha de pópó e passei pela primeira vez o túnel do Marquês! Só de pensar que aquilo já foi inaugurado em Abril de 2007, dá para dar uma ideia do tempo a que não punha aqui o cú.

 

Há uns tempos, em conversas com a afilhada, ficou combinado uma ida ao Aya de Carnaxide para 'sushar' (como o afilhado disse). E foi mesmo hoje! Assim que saíram do trabalho lá fomos nós todos... só de pensar no jantar já espumava da boca.

 

Como isto não se faz todos os dias (meses... anos!), foi mesmo para a desgraça... e embora as fotos não façam justiça ao espectáculo de cor (e sabor) da coisa. Ficam com uma ideia.

 

 

A entrada, hoje era polvo!

 

 

 

 

 

Qual barca, isto era um cruzeiro! Nem sabia por onde começar... mas deu-se conta daquilo tudo, e não sobrou NADA.

 

Eles bem me diziam que ia gostar... e posso dizer que embora lá o meu Nippon Inn seja porreirito, a sushada de hoje pôs a fasquia muito alta!

 

Peixe fresquíssimo que derrete na boca... os manhos lá a gritar boa noite e obrigada, a decoração do restaurante, as toalhas de turco para limpar as mãos na casa de banho (tal como no meu trabalho), as salas privadas que vistas de fora parecem casinhas. Só vendo mesmo.

 

Enfim, tenho peixe crú até às orelhas... ainda estou a digeri-lo.
Tenho uma enxaqueca que por mais drogas que tome não há maneira de passar... até de máscara fria já andei.

 

Amanhã lá vou para Lisboa (estou em Almada agora) a ver se consigo recuperar o cartão multibanco que a máquina me comeu hoje na Fontes Pereira de Melo, dar umas voltinhas e coiso e tal.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Foguetes pró cacete

Sexta-feira, 21.08.09

O festival aéreo começou, yay! (consegui tirar umas fotos e uns filmes à socapa... mas logo os ponho aqui).

 

E há lá coisa melhor para comemorar um início de um festival do que lançar foguetes? Pois... mas como Bournemouth é uma terra muito p'rá frentex, não se contentaram com simplesmente atirar os fulminantes para o ar e então prometeram à malta a quebra de um recorde!

 

A promessa seria lançar 110000 foguetes num espaço de 60 segundos... mais 54000 do que o recorde estabelecido previamente, ou seja, quase o dobro! Ah valente!

 

Sai do trabalho mais cedo do que o previsto e consegui ir ter com o pessoal que tinha combinado ver a coisa juntos.

 

Bem... que eu nunca, NUNCA vi tanta gente no East Cliff... fui a pé e ainda corri cerca de uma milha quase em sprint. Os desgraçados estavam na ponta oposta e o homem no microfone a pressionar, FALTAM 5 MINUTOS. Enfim... cheguei um bocado vermelha e sem fôlego, tossi um pulmão, mas lá cheguei a tempo de ver a coisa junto deles. Carga de trabalhos para os encontrar no meio daquele mar de gente.

 

 

Eu, a Carolina e o Sebastian! Ela colombiana e ele espanhol.

 

O Roar on the Shore tinha no programa duas partes, primeiro os foguetes normais... e então só depois é que era para o Guiness.

 

Tudo contente... estava prestes a começar! YAY

 

Countdown
10-9-8-7-6-5-4-3-2-1....

 

 

 

 

... pois, esqueceram-se dos fósforos como o homenzito ao lado disse. :D ainda deu para rir um bocado!

 

Lá se contou tudo outra vez...

 

 

 

 

Ena que foi desta! Foi 'benito' mas não foi nada de especial... awwwww ohhhhh awwwww

 

Enfim... lembram-se da promessa? Eis o que tivemos direito:

 

 

 

 

Pois, a coisa não correu lá muito bem! Aquilo fez Boom, o barco ainda ardeu um bocado coiso e tal... e só depois de ouvir o homem no altifalante é que o pessoal se apercebeu que... sim, that was it. Quatro segundos... dois quais eu filmei três.

Houve montes de gente a vir de longe para ver a coisa... diga-mos que o ambiente ficou algo pesado depois dos foguetes.

 

Como aquilo foi tudo tão rápido, fomos até ao Inferno... um pub que costumava ir bastantes vezes quando vivi na residência da universidade.

 

Não estava muita gente, a enchente ficou-se pela baixa. Lá conversamos um cadinho e bebemos uma bebidita. O Inferno tem uma daquelas maravilhas da tecnologia... uma jukebox toda xpto! Que não só passa a música como também passa o music video da música por todas as tvs do pub... e tem tanta, mas tanta música! Gosh... o dedo dói de tanto carregar no touch screen. Tanta escolha!!

E não pára... devem ter gasto uma pipa de massa na máquina, mas poupam em DJ. Não pára... e a malta adere bué à coisa.

 

Como não podia falhar, alguém pôs o Thriller...

 

 

 

A malta a apreciar:

 

 

 

 

Ahhh... as memórias.

 

 

 É difícil de resistir ao zombie move.

 

E foi assim... pena a coisa não ter corrido melhor em matérias de foguetes.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031