Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



HURRAH!

Terça-feira, 30.06.09

PAY DAY CARALHOOOOOOOOO!

 

Xau enlatados!

 

Olá gasolina, comida no frigorifico e sapatos novos para o trabalho!!!

 

Este mês a coisa esteve complicada... detesto este sistema de a electricidade, gás, água e esgotos vir de 3 em 3 meses (ou de 6 em 6). Dá uma pancada valente.

 

E estou chocada com o aumento do preço do pão de forma no Tesco e no Sainsbury's... de uns meros 32p, passou para 50p e 70p... Felizmente há o LIDL que mantém os 36p e a qualidade é muito melhor (pelo menos as fatias são todas do mesmo tamanho)...

No entanto, comparando com Portugal, as coisas no supermercado (à excepção da carne e peixe) são muito mais baratas... nem se compara!

 

A ver se não chove que tenho que ir ao centro e vou à la pata!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Epá... depende.

Segunda-feira, 29.06.09

 

"What would it cost to jump into bed with us?"

 

Bem... se o Josh Duhamel tivesse na cama não me custaria absolutamente nada!

 

 

---

 

E é claro que ela estava a mentir! Nunca fiz uma tatuagem, mas quando alguém diz "decidi dormir porque não queria sentir dor"... it's pushing it. Era bom que isso funcionasse assim...

 

... mais um caso resolvido com a amiga CCTV, a ver se consegue servir como prova.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por Videl às 11:38

Thorpe Park

Domingo, 28.06.09

No outro dia fui a Thorpe Park!

Saímos de Bournemouth já passava das 8:30 e estava a chover torrencialmente... no entanto dizia-se que em Londres não chovia e que as máximas iam atingir os 26ºC às 15:00. Normalmente estou habituada a ser enganada pela meteorologia, mas lá confiamos desta vez.... há bastante tempo que aguardávamos este passeio, desde que se arranjou vouchers para um bilhete à borla na compra de outro (pois, que aquilo é caro! £35 por pessoa, £28 pela internet).

 

Fui com duas colegas de turma e o filho de uma delas, mas parecia-mos todos da mesma idade!

 

... e então não é que o raio do tempo estava bom? Estava sol 'quente', uma aragem gostosa, e embora por vezes as nuvens tapassem o sol, estava húmido, fechado... ideal para torrar a pele.

Mas não houve problema que nos besuntámos todos prontos para a guerra.

 

 

 

... mesmo assim ainda fiquei com um bronze à gajo de obras... beh!

 

Entrada do parque:

 

 

 

 

A primeira ideia que tive do parque foi 'damn... isto é compacto!' Montanhas russas entrelaçadas quase, tracks a passar mesmo ao lado dos passeios... cool.

 

 

 

Não sei se já foram à Isla Magica em Sevilla, mas comparando com Thorpe a Isla é maior e mais 'spread out'... no entanto Thorpe tem mais thrill rides e ao contrário da Isla (que tem temas piratas etc, animação de rua e outras coisas pipis), aqui o tema do parque não é definido e é imposto pelas atracções.

 

A nova atracção do ano é 'Saw - The Ride', e enquanto se espera tudo o que nos rodeia tenta recrear o filme, com direito a sonzinhos e gritinhos e coiso e tal:

 

 

 

 

 

 

 

 

Obviamente eu e a Traci estávamos cagadas com medo, lol.

 

 

Enfim... decidimos pegar o torno pelos cornos e tirar este da nossa lista. Esperamos cerca de 70 minutos, mas valeu a pena. O pior é a subida antes de descer... para não falar que há uma parte no escuro onde há uma drop que a malta não está nada à espera. Mas foi fixe.

 

 

 

 

Para evitar estas longas esperas e poder aproveitar o parque ao máximo, decidimos comprar um 'fast track' ticket... paga-se determinada quantia dependendo das atracções que se quer e passa-se à frente do resto da malta :D

É bué fixe passar à frente de filas de 500 pessoas... gente fina é outra coisa! :D

 

Enfim, já passava do meio-dia e a fome apertava... decidimos ir até ao Tidal Wave para acalmar os calores.

 

 

 

Que nem um patinho :D

 

 

Almoçamos no KFC, embora eu tivesse mais numa de BK... No entanto houve algo que me cativou a minha atenção:

 

 

 

Pizza Hut Buffet. Como a foto está pequena não dá para ver, mas ali escrito em maiúsculas está:
ALL DAY BUFFET
HELP YOURSELF TO UNLIMITED PIZZA, PASTA & SALAD

PLUS FREE DRINKS REFILL

 

Epá, lindo! Pizza Hut não é das minhas pizzas favoritas, mas não consigo ficar indiferente quando as palavras 'unlimited' e 'free refills' estão juntas na mesma frase.

 

Surpreendentemente, o preço da comida aqui não é tão exorbitante como estava à espera, e o parque tem uma coisa porreira que logo à entrada pode-se comprar um copo com duas palhinhas que se pode por à tiracolo. £4.99, e pode-se encher as vezes que quiser... muito fixe, pois a cola assim que ficava morna lá ia ao ar.

 

Aqui vão umas quantas fotos do Nemesis Inferno, que é daquelas invertidas... não pus lá o cú não por medo, mas porque me magoei numa idêntica. Dei o fast track a um amigo da Traci que foi ter connosco lá, que depois se vomitou todo na casa de banho... isto já não há homens como antigamente!

 

 

 


 

Já me ia esquecendo desta pérola ao lado dos 'testing seats':

 

 

Basicamente, uma forma politicamente correcta de dizer que se fores gordo *cof cof* perdão, com grandes medidas corporais, podes não caber no banco.

 

 

O Stealth é porreiraço, vai dos 0 aos 128 km/h em menos de 2.3 e tem mais de 62 metros de altura segundos, e na minha opinião, o mais intimidante de todo o parque:

 

 

 

 A minha camera não gosta mesmo nada de sol coitadinha!

 

Mas o meu favorito foi o Colossus... do qual não tenho fotos nenhumas de jeito :( É a primeira montanha-russa com 10 loops no mundo inteiro, e é muito muito porreira...

 

Mais fotos do parque:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entretanto o grupo ficou dividido e enquanto esperavamos pelos outros decidimos ir dar uma volta no carossel dos putos... foi a parvalheira total. Isto quanto mais velhas menos juízo.

 

Enfim... foi um dia muito bem passado. Ficaram as recordações, o bronze à trolha, e a carteira vazia até o ordenado cair na conta!

 

E isto tudo deu-me uma brutal vontade de jogar Roller Coaster Tycoon, ando no vício há dois dias!

 

P.S.: Foi a primeira vez que pus videos no youtube... espero que os próximos sejam menos merdosos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Britain's Got Talent vem à terra!

Sexta-feira, 26.06.09

Hoje tive um turno interessante lá no trabalho! Tudo por causa do show desta noite :D

 

A Tour do Britain's Got Talent, tal como no ano passado, passou por Bournemouth! É a loucura total... especialmente porque houve tanto bilhete vendido que decidiram fazer duas sessões no mesmo dia (e tal repete-se para a semana). Enfim... lidar com 7000 pessoas num intervalo de menos de meia dúzia de horas, é muita fruta. (Para não falar que a convenção da BTS acabou hoje à tarde e foi preciso limpar o merdum de 400 e tal pessoas).

 

No entanto... e apesar do trabalho, cada vez que passava pelos bastidores e via os nomes nas portas, e saber que os 'Diversity' ou a menina 'Boyle' provavelmente estariam lá dentro e tal... foi cool.

Infelizmente não vi ninguém... e isso deixou-me um pouco aborrecida, lol. Talvez para a semana tenha mais sorte.

 

Será que se eu encontrar uns cabelos da Boyle amanhã, consiga leiloá-los na e-bay? :D

Extra-cash fazia-me cá um jeitaço...

 

 

 

Já agora... a internet ficou lentinha por causa da morte do Jacko :( mas tenho cá um feeling que também houve uma congestão marada nas redes de telemóvel, passou-se o dia inteiro a receber jokes acerca do assunto...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

Jacko morreu?

Sexta-feira, 26.06.09

Acabei de receber uma mensagem de um amigo... e aparentemente é o que diz o jornal "The Sun".

 

Ainda não sei se acredito ou não que o Michael Jackson morreu.

 

Será hoax?

 

 

Está uma brutal trovoada e desliguei o portátil da corrente, já estou com a bateria fraca... esta porra aguenta-me umas 2 horas se tanto! A net está completamente marada, e eu juro que qualquer dia a chaminé da casa da frente e o poste com 30 cabos pendurados vai ao ar... Trovoadas aqui embora aconteçam com menos frequência do que em Portugal, costumam-me assustar um pouco... não sei bem porquê visto eu adorar olhar para relâmpagos e ouvir trovões.
 

 

Teve um dia bem quente em Londres, cerca de 26ºC. Estou um pouco escaldada porque fui a Thorpe Park (parque de diversões). Fotos para breve!

 

A ver se consigo dormir algo de jeito com trovões de 30 em 30 segundos... às 7 da matina já tenho que estar no bulanço.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pôr as leituras em dia

Domingo, 21.06.09

 

 

E ao fim de longos meses a tentar acabar o meu livro... lá consegui dar conta dele.

Foi bom... mas demorou muito tempo a desenvolver, não criei grande empatia com os novos personagens. O final foi bom com uma plot twist à maneira...

Não foi tão bom como o primeiro livro, "The Chemistry of Death"... a ver se o que se "Whispers of the Dead" supera ambos. Mas para isso preciso de encontrá-lo à venda na charity shop... não vou gastar £7 num livro quando posso comprá-lo por £1.5!

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Encounters at the End of the World

Domingo, 21.06.09

A melhor parte de entrar às 6:30 da manhã ou a outras horas aberrantes, é que normalmente sai-se mais cedo do trabalho... foi o caso da passada sexta-feira, onde saí a horas 'normais' e embora não seja quarta-feira, foi-se à Lighthouse em Poole. Fica mais longe, e não aceita 'Orange 241' às Quartas... mas o cinema é mais barato, mais acolhedor e passa filmes alternativos que normalmente não passam nos multiplexes.

 

Se gostam de documentários, recomendo:

 

 

(Cópia do panfleto da Lighthouse - Poole)

 

 

Encounters At The End Of The World (U)
Director: Werner Herzog
CAN/USA/UJ 2008. 101 MINS. DOCUMENTARY
Starring: Werner Herzog, Scott Rowland, Stefan Pashov

One thousand men and women live together under unbelievably close quarters in Antarctica, risking their lives and sanity in search of cutting-edge science. Now, for the first time, an outsider has been admitted. In his first documentary since Grizzly Man, Werner Herzog travelled to Antarctica and gained rare access to the raw beauty and humanity of the area.

 

 

 

O bilhete!

 

 

Senti-me pequenina e desinteressante... espero um dia encontrar algo que me faça trabalhar com tanta paixão, gosto, curiosidade.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Videl às 15:32

Boscombe de dia...

Domingo, 21.06.09

Sim... de dia. Porque de noite é só bêbados e putas.

 

Vivo numa zona menos 'nice' de Bournemouth, mas não entendo bem porquê porque isto é bonito, está cheio de condomínios e hotéis chiques, com escolas e brevemente um 'surf reef' etc... a única razão lógica é porque a maioria das clínicas de reabilitação (que não muito reabilitam...) são todas aqui. E eu pergunto, então mas o Council não ficaria melhor servido se tivesse posto essas tais clínicas numa zona mais recatada... é que ver filas de gandins para ir tomar metadona não fica lá muito bem nos postais para turistas... Nem meninas a solicitar na rua... nem apanhar com uma facada para nos roubar a carteira. Embora haja cameras em todas as esquinas, continua a não ser seguro andar na rua assim que escurece...

 

Enfim, no outro dia fiz tarde e noite, por isso tive umas horitas livres. Como o dia estava bonito a Maria lá me arrastou de casa... eu por mim tinha ficado a vegetar no sofá a jogar Playstation, sentia-me cansada e só queria era estar com os pés levantados. Mas nunca me arrependo quando a preguiça vence a minha 'couch potatoness'.

 

Decidi pegar na máquina fotográfica, visto ter-me apercebido recentemente que não tenho muitas fotografias de onde vivo. Lá se desceu a rua, e caminhamos em direcção à praia... fomos pelo parque porque é mais rápido e é mais bonito.

 

 

 

 

Eu adoro parques... e quando vivi em Cardiff era o que eu mais gostava de fazer, pegar no livro, na toalha e espojar-me na relva e ler. Adoro sentir a relva nos meus pés, e há que lembrar a óptima vantagem de não trazer quilos de areia para casa.

 

Embora tenha crescido em Lagos e vivido lá a maior parte da minha vida, já fui mais vezes à praia aqui nestes três anos do que dos 16 até aos 21 anos quando vivi lá. Mas é típico da maioria dos algarvios... no verão trabalha-se, não se vai à praia.

Não gosto de praias cheias de gente, detesto que olhem para mim... detesto encontrar pessoas conhecidas na praia que passam o tempo a olhar para os meus pneus e 'é pá, que raio te aconteceu que estás tão gorda!' Não sou uma pessoa vaidosa e lá por não estar muito contente com o meu aspecto físico não deixo que isso me baixe a auto-estima... no entanto irrita-me e mando a maioria das pessoas à merda quando não conseguem ver mais nada do que 'o quão gorda' eu estou... continuem a tomar laxantes, barras de cereais e herbalifes, que eu continuo com comidinha a sério obrigado!

 

O parque pertinho de casa tem mini-golfe, campo de basquetebol, área para miúdos com baloiços e puzzles de água! No meu tempo não havia nada destes puzzles de água, mas aquilo parece fixe à brava... não tirei uma foto porque estavam lá os pais todos e ainda era linchada com medo que eu fosse alguma predadora sexual de gaiatos. Mas há outras actividades no parque, por exemplo, um parque 'quiz'...

 

 

Uma perguntita de escolha múltipla...esta, se não estou em erro, perguntava onde é que as libelinhas punham os ovos.

 

 

Levanta-se a caixita e vê-se a resposta. Acho que a resposta é na água...

Eu acho isto bastante original, e as perguntas estão espalhadas por todo o parque tipo circuito. Não sei se já há disto em Portugal, mas acho muito porreirito.

 

O parque leva-nos até ao Pier, onde há uns quiosques que vendem coisas para a praia, comida e gelados.

 

 

 

 

 

Não faço a mínima do que esta gente pesca aqui... bogas? lixo???

 

'Surf Reef Under Construction':

 

 

 

 

 

 

 

 

Também há uns quantos pubs e balneários públicos com chuveiros para a malta trocar de roupa e voltar à sua vidinha... isto é que era uma boa ideia lá p'rá terra.

Os apartamentos às cores são novos e um T2 ronda as £169,000... baratucho, não? Ainda estão a construir mais uns quantos blocos de mamarrachos lá para trás.

 

 

O estômago já roncava e como não havia muito dinheiro na carteira lá se dividiu umas chips.

 

 

E depois mais tarde o geladinho da praxe...

 

 

 

 

O momento alto do dia foi quando a Maria se sentou em cima de uma pastilha... lol

 

 

Pena que momentos depois lá tive de ir trabalhar... mas ao menos fui mais satisfeita e preparada para a labuta!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Videl às 12:07

Red Cliff

Quarta-feira, 17.06.09

Quarta-Feira é dia de cinema, agradece-se à Orange (rede operadora de telemóveis) que há anos que oferece um bilhete de cinema de borla na compra de um. É muito simples basta enviar a palavra 'film' para o número 241, segundos depois recebe-se uma mensagem no telemóvel com um código, mostra-se na bilheteira e já está.

 

É o único dia em que o grupo vai ao cinema visto sair muito mais barato... um bilhete para estudante ronda as £5.95 (auch), a carteira agradece a chance da divisão de tal valor por dois. Guloseimas e bebidas trazem-se sempre à sucapa de casa, é ridiculo pagar £4 por 1 litro de cola, e £3 por pipocas! (Sim, somos uma cambada de agarrados!)

 

Quando o trabalho estava mais calmo, mesmo estando à rasca de trocos, sempre mas sempre se ia passar a quarta à noite no cinema e ver o tal filme da praxe. Hoje tive sorte, tive uma folga 'forçada' visto o carro precisar de fazer revisão e inspecção, e como a oficina não fica nas redondezas lá teve que ser... não me ralei muito, fazia-me falta o mini-descanso e passei uma noite agradavel.

 

Hoje o grupo ficou reduzido a dois, eu e a Nat. O resto da malta ficou a relaxar ou em casa a ver o 'Shooting Dogs' (que ainda não vi, mas dizem que é bom). Ela escolheu o filme e como já tinha visto 'The Hangover', e  'Red Cliff' recebeu boas críticas e coiso e tal lá fomos matar a curiosidade... o Hangover fica para a próxima.

 

Enfim, tenho que admitir que não estava com grandes espectativas para o filme... mas hey, John Woo, o filme chinês mais caro até à data... tinhamos que ver! E então não é que eu gostei!!!

No ínicio ia apanhando um enfarte quando a narrativa começou em Inglês... mas momentos depois o alívio de ouvir Mandarin lá fez passar o pânico... Não sei se aguentaria 3 horas de dobragem americana xunga.

O filme tem certas falhas, nomeadamente continuidade e o facto de ser um filme com meio, meio e fim... mas fora isso, para quem gosta do género é quase flawless.

 

É épico e tem estratégias de génio (a formação tortoise e o 'rouba flechas' estão um espectáculo!) Proporciona uma enorme dimensão das coisas e paisagens muito nices.

Também tem o 'gostoso' do Takeshi Kaneshiro XD.

 

Adorei a banda sonora e achei-a familiar. Não foi surpresa quando vi que foi Taro Iwashiro quem tratou dela... ele tratou também da OST de Azumi e o Ishin Shishi e no Requiem, um filme de Rurouni Kenshin, e também de Onimusha 2 (entre mais uma data de coisas que não conheço). Gostei do trabalho e do desempenho da Tokyo Metropolitan Symphony Orchestra... (tenho que ver a segunda série de Nodame Cantabile >_>) A ver se me cruzo com a OST algures :P

 

Senti durante o filme uma vontade brutal de chegar a casa e jogar Dynasty Warriors, Suikoden II e até Age of Empires... e houve alturas em que parecia que estava a jogar e a ver a história de um jogo e não um filme.

 

Não recomendo a toda a gente, mas se gostarem do género.. força!

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esperar pelo autocarro... só de pé!

Terça-feira, 16.06.09

Já há uns dias lembrei-me a tirar uma fotografia a uma paragem de autocarro cá do sítio... eu sei, eu sei, é um pouco random, anyway...

 

 

Eis um exemplar de onde se espera pela camioneta (lol) em Bournemouth.

Apesar de algumas diferenças pelo país a fora... pelo menos por onde tenho passado, são praticamente idênticas... e muitas das vezes, especialmente em época lectiva, está a abarrotar e caso chova (que como calculam é coisa rara, NOT)  a malta não tem praticamente espaço nenhum para salvar o penteado... e apanha-se uma molha valente (e passa-se o resto do dia ensopados).

 

Felizmente, eu não tenho de depender em autocarros para ir trabalhar, no entanto, para ir para a universidade antes das 5 da tarde vejo-me obrigada a andar num monstrinho de dois andares, que normalmente cheira mal... (depende se for novo ou velho, os novos até são pipis). Isto tudo porque a universidade tem uma política um pouco estúpida, onde só pode estacionar no campus quem vive a mais de 7 milhas de distância, ou tenha filhos menores... isto tudo para salvar o ambiente. Yeah right... como se car sharing não fosse uma prática 'verde' (que é o que eu costumava fazer), para não falar que o carro dos manda-chuva deve ter um dispositivo qualquer não poluente visto para eles não haver entraves nenhuns (sim, coisas destas irritam-me profundamente... nada contra o ambiente, é só a hipocrisia do princípio).

 

Enfim, à primeira vista nada de errado com a bus stop, certo? Pois então observem:

 

 

Esta barra é suposto ser o banco, onde supostamente se assenta o cú enquanto se espera pelo autocarro. Ora sou eu que tenho o cú muito grande (o que não está muito longe da verdade), ou isto é um encosto de nádegas e não um banco.

Não só é demasiado estreito para ser confortável, como também tem uma inclinação marada que serve de escorrega. Com calças de ganga escorrega menos, mas qualquer outro tecido é tal e qual como uma visita ao Slide & Splash.

 

A razão de os 'bancos' serem assim, é para evitar que os sem abrigo os usem como caminha... tal como certas casas de banho públicas têm luz negra para os drogas não encontrarem as veias (segundo os srs. engenheiros, é um mal necessário para combater um mal pior '?'). Será que daria para processar a câmara por hemorroidas? :D

 

Resumindo, é mesmo melhor esperar de pé.

Eu há muito tempo que não ando de autocarro em Portugal, mas ainda me lembro que conseguia sentar-me decentemente nas paragens >_>

 

Embora o serviço de autocarros não seja mau de todo, por vezes deixa muito a desejar. Não são baratos, muitos deles não são muito novos e avariam com frequência, pontualidade Britânica é mito quando o assunto toca transportes públicos e ainda, quando neva tudo pára e não há autocarros para ninguém (nota: 1 ou 2 centímetros de neve e este pessoal entra em pânico e não safe por onde se virar... desculpas para não trabalhar! No Canadá 1 metro de neve, -36ºC e mesmo assim ainda se ia à escola e para o trabalho...).

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Pág. 1/3